Desenvolvimento de Plugins

Glossário

PP: PluginPages

BD: banco de dados relacional

SP: stored procedure do SQL

FSQL: function do SQL

FPHP: function do PHP

OO: orientação a objeto

PPSDK: PluginPages Software Development Kit 1.x

en_US: Inglês dos Estados Unidos

DEV: ambiente local do desenvolvedor

PROD: servidor de produção

TEST: servidor de teste

GL: Repositório do plugin no Gitlab do PluginPages

TEST DB: banco de dados do TEST

PROD DB: banco de dados do PROD

Base Técnica

Um plugin no PP é um software procedural baseado em:

  • PHP 7.x
  • FPHP
  • MariaDB 10.2
  • SP
  • FSQL
  • HTML 5
  • CSS 3
  • GIT
  • PPSDK
  • HTTP
Restrições Técnicas
  1. PROIBIDO OO: classes, interfaces, etc…
  2. PROIBIDO Javascript
  3. PROIBIDO uso de SQL que altere dados
  4. PROIBIDA a criação de tabelas
  5. PROIBIDO escrita em disco
  6. PROIBIDO comentários descritivos no código
    1. É permitido colocar comentário para anular partes do código e um lembrete nessa parte anulada
  7. PROIBIDO usar métodos de comunicação com servidores externos: email, rest,
    1. PP irá fornecer meios de realizar essas tarefas
  8. PROIBIDO usar bibliotecas de 3ros nos plugins
    1. PP irá disponibilizar bibliotecas de 3ros
  9. PROIBIDO usar código para investigar aspectos internos do PP
Obrigações Técnicas
  1. Desenvolvimento do plugin de acordo com o modelo oferecido: Contact Manager
  2. Toda alteração de dados deve ser feita com as SP autorizadas pelo PP
  3. Todas as variáveis, funções, apelidos devem ser feitos em en_US
  4. Todo o ciclo de desenvolvimento deve ser feito de acordo com o seguinte fluxo:
    1. Criação do plugin na conta do DP no PROD usando o plugin base PluginManager
      1. O nome do plugin deverá ser em en_US
    2. Desenvolvimento do plugin no DEV com o PPSDK usando o token do plugin criado em 3.2
    3. Abertura de ticket solicitando criação de repositório no Gitlab do PP
    4. git push do plugin para o repositório criado em 3.3
    5. Atualização do ticket criado em 3.3 solicitando a implantação do plugin em TEST
    6. Teste do plugin no TEST
      1. Crie uma Organização
      2. Crie uma Página
      3. Adicione o plugin
      4. Abra a página
    7. Se necessário, corrigir código no DEV e voltar para 4
    8. Atualização do ticket criado em 3.3 solicitando a implantação do plugin no PROD
    9. Teste plugin no PROD
      1. Ative o plugin
      2. Crie uma Organização
      3. Crie uma Página
      4. Adicione o plugin
      5. Abra a página
    10. Se necessário, corrigir código no DEV e voltar para 4
  1. Git push para o repositório do plugin no GL do PP
  2. Implantação do plugin no TEST
  3. Acesso do plugin ao TEST DB
  4. Implantação do plugin no PROD
  5. Acesso do plugin ao PROD DB

PluginPages development flow
Fluxo de desenvolvimento de plugins do PluginPages